4 de outubro de 2011

Supomos

E se dormir além do sono?
Descansar além da alma?
E se crescer-me em sonhos?
Sonhá-los-ei?


Pelo sim, pelo não, em marés de saudade...

3 comentários:

Mariana Andrade disse...

eu não preciso nem dormir...

Henrique Miné disse...

duvido muito que, mesmo nos sonhos, deixaríamos de sonhar.

Penso que, se deixarmos de sonhar, deixamos de existir, a vida deve ser um sonho, no final das contas, um sonho de Deus, do Universo, do meu cachorro. Vai saber.

beeijo!

Scream Your Words disse...

a minha opinião é que: façamos que fizermos, sonhar é algo que nunca vamos deixar de fazer.
se não fossem os sonhos, o que era de nós ?
Fernando Pessoa diz que para algo se tornar real, primeiro tem de ser sonhado, imaginado.