5 de agosto de 2011

Bem querer

Minha vontade maior é junto a mim costurar estrelas, para vê-las de perto, ou, aproximar a imensidão. Como quero ser infinito, o infinito ser de ser eu. Mais um pouco. Para aumentar a intensidade e desfalecer os laços. Não por vontade, necessidade, de não ser carente de mim, e nem de outros. Bem. Quero estar, ficar, e ser bem. Bem querer. 
E quem sabe o brilho das constelações levar, quando a distância, chegar.

Um comentário:

Henrique Miné disse...

as vezes, o que eu queria, é viver, apenas viver mesmo, sabe?
as vezes não, é o que mais queero, acho que é por isso que escrevo...


beeijos!